Autres titres intéressants

Panier

Vous profitez des avantages réservés aux VIP !

En devenant membre Kobo VIP, vous bénéficiez de 10 % de réduction et doublez vos Kobo Super Points sur les articles éligibles.

Article(s) non disponible(s) à la vente
Veuillez vérifier votre panier. Vous pouvez supprimer le ou les articles qui ne sont pas disponibles maintenant ou nous les supprimerons automatiquement au moment du règlement de la commande.
articlesarticle
Avis et critiques de livres (2 15 classement par étoiles
2 avis
)

Note globale

4,1 hors de 5
15
5 Étoiles 4 Étoiles 3 Étoiles 2 Étoiles 1 Étoile
8 3 2 1 1

Partagez votre avis

Vous avez déjà partagé votre avis concernant cet article. Merci !

Nous examinons l'avis que vous nous avez soumis. Merci !

Finalisez votre critique

Toutes les critiques de livres

  • 1 personne a trouvé ce commentaire utile

    1 personnes ont trouvé ce commentaire utile

    1 sur 1 personnes ont trouvé ce commentaire utile

    Merci pour votre commentaire !

    O filho eterno

    Um livro que traz a superfície a mais ingênua sensibilidade de forma madura e profunda. Muito bem escrito, um narrador envolvente e honesto que me fez mergulhar em percepções muitos distintas da minha realidade. Sem delongas, um livro fundamental.
  • 0 personne a trouvé ce commentaire utile

    0 personnes ont trouvé ce commentaire utile

    0 sur 0 personnes ont trouvé ce commentaire utile

    Merci pour votre commentaire !

    Nada do que não foi poderia ter sido

    Herdeiro de uma geração que acreditava que tudo era possível, que mudança e transcendência estavam nas mãos dos jovens que podiam quebrar as barreiras de uma sociedade decadente, que não confiavam em ninguém com mais de trinta anos, Cristóvão Tezza nos oferece em seu livro O Filho Eterno, a oportunidade de refletirmos sobre a realidade do enfrentamento de fatos que não nos é dado mudar, das pedras no meio do caminho que podem destruir nossa crença no pensamento mágico que nos tentava a juventude. Depois de buscar por vários meios libertar-se do sistema, pelo teatro, a aventura de estudante e trabalhador ilegal na Europa, havia cedido ao sistema e se casa. Prestes a sedimentar uma de suas posições na vida, a de ser pai, a chegada de um filho, que lhe permitiria se impor frente ao grupo, amigos e parentes o frustra, uma vez que a criança é portadora de síndrome de Down, na época conhecida como mongolismo – ‘Nem filho sabe fazer direito… Que decepção’. O filho quebrou-lhe a espinha. Difícil encarar nosso desejo primitivo de eliminar aquilo que nos confunde que não queremos aceitar. Ecos de uma pobreza imortal, que nos coloca de cócoras, reverberando pelos séculos a vergonha de estar vivo. Aquele nascimento às avessas expulsa o protagonista do paraíso, que perde o privilégio de ser livre. O foco da narrativa, baseada na própria vida do autor, só foi possível depois de vinte anos. Relata a luta desse indivíduo em aceitar o filho. O percurso seguido por esse pai passa pela negação, e desejo de eliminar o que encara como problema a ser resolvido; a raiva, a sensação de injustiça para alguém que acreditava estar no caminho em busca do homem livre idealizado, do sonho rousseauniano, longe do sistema, estabelecendo suas próprias regras, e, ao invés disso, ter que aceitar o tratamento behaviorista do filho, sistema de regras impostas de fora para dentro. Sofre com a dura percepção implacável de ter passado para o outro lado, de estar condenado à escravidão do momento que não consegue dominar, para finalmente aceitar e descobrir a falta que o filho lhe faz, quando teme perdê-lo. O filho adquire o direito de sê-lo, e ainda forja o pai. O Filho Eterno, de Critóvão Tezza, é uma história de luta interior, escrita em linguagem clara e honesta, reflexo da realidade sem reservas, retratando não só o drama de um pai em formação, como de uma época que também sofreu grandes modificações.
15

Vous pouvez lire cet article avec l'une des applications et appareils Kobo suivants :

  • ORDINATEUR
  • LISEUSES
  • TABLETTE
  • IOS
  • ANDROID
  • BLACKBERRY
  • WINDOWS